Logo Cirurgiões da Alegria Logo Cirurgiões da Alegria
MENU

Plantão Esparadrapo - Até Onde Chega o Nosso Trabalho

Publicado em 27 de novembro de 2020


É verdade que todo trabalho tem um limite. Um limite físico, a gente não consegue atravessar paredes e nem caminhar por 40 quilômetros debaixo do sol quente. O limite temporal, é praticamente impossível nos mantermos saudáveis trabalhando demais, é muito recomendado dividir o tempo em várias etapas no dia, até mesmo pra tomar aquele cafezinho que a mamãe, titia, vovó prepara com tanto carinho. Há o limite estratégico, aquele que você tem foco de atuação, é para todos, mas também é para o que você precisa atingir, no nosso caso, as crianças são preferência absoluta. Limite espacial, o planeta é o limite, e dentro dos hospitais, todo quarto possui aparelhos, caninhos, fiozinhos, apitinhos, botõezinhos que não podem em hipótese alguma, sofrer um esbarro, no nosso caso, o palhaço é cirurgião, tem precisão nos movimentos. Outro, o limite do bom senso, afinal, nem tudo pode, nem tudo cabe.

Poxa vida, não sabia disso! Normalmente, essa é a frase que acompanha a explicação dos limites. Não importa o lugar onde estamos e com quem conversamos, as pessoas tem praticamente as mesmas dúvidas. Porém, há ações que ultrapassam quaisquer limites de planejamento ou programação, de sensações ou sentimentos. Há ações que simplesmente acontecem no decorrer do dia, da caminhada, do ambiente, da passagem do palhaço no corredor.

O hospital é um organismo vivo, está sempre diferente! Um dia tem reforma, outro tem pacientes que trocaram de quartos, acompanhantes ou visitas novas, plantonistas novos, e uma variedade enorme de seres humanos, que também se repetem, mas nunca estão no mesmo estado, seja emocional, físico, espiritual, financeiro, afetivo... é tanta variável que torna o encontro impossível de se repetir, ao menos, da mesma maneira.

Por falar em não ver o outro da mesma maneira, veja só quem encontramos na última visita! Ele mesmo, o Homem-Aranha! E nós que achávamos que ele existia nos quadrinhos ou filmes de ação, estava ele ali, bem diante dos nossos narizes! Habilidoso, gentil, estava dando uma força pintando o hospital, só para nos sentirmos mais acolhidos no ambiente. Montou sua teia, colocou até banquinho! Isso sim é um super-herói!

É por essas e por outras, sempre nos surpreendemos a cada Visita da Alegria.

E quando alguém pergunta: “Ei, mas perai! Vocês trabalham só com crianças né?”

Não, os Cirurgiões da Alegria vão para o hospital realizar um encontro com a vida, a dos artistas e a de quem está no ambiente. São crianças, adultos e até personagens dos quadrinhos... e tem cada criança Super Man, Mulher Maravilha, Hulk, e até o nosso amigo Homem-Aranha, que já foi criança e mantém a profissão até a vida adulta.

Falando ainda em limites da atuação. Acho que vale dizer que há momentos em que o céu é o limite! Valeu Homem-Aranha!

 

Artista: Tiago Abad

Palhaço: Cirurgião Acerola

Cidade: Campinas

Hospital: Mário Gatti

Mês: Maio - 2017



Leia também
  • Os Cirurgiões Acerola e Gaguelho estão na bancada do Informalhaço News, ambos estão de jaleco branco, em cima da mesa te duas canecas estampadas dois narizes, ao9 fundo tem o painel do Informalhaço News #sóboasnotícias.

    2020 O Ano Que Veio Para Mudar Nossas Vidas

    leia mais
  • Cirurgião Acerola e Gaguelho estão no corredor do Hospital e na sua frente está uma mãe com seu filho no colo, ambos observam os palhaços.

    Plantão Esparadrapo - A Sutileza do Encontro

    leia mais
  • Os Cirurgiões Gaguelho e Acerola estão na UTI Neonatal cercado de berços com luzes azul para os bebês, nesse momento eles ficam super contidos para não esbarrar em nada, pois a sala é cheia de equipamentos vitais para manter os bebes vivos, um esbarrão em qualquer equipamento pode ser uma tragédia.

    Plantão Esparadrapo - Até Onde Chega o Nosso Trabalho

    leia mais
  • Cirurgião Gaguelho e Acerola na porta da neonatal da Santa Casa

    Plantão Esparadrapo - Enfermeira Que Se Vira Nos 30

    leia mais
  • Os Cirurgiões Gaguelho e Acerola estão no quarto de hospital ao lado de uma cama tocando violão para uma criança.

    Plantão Esparadrapo - Um Pedido Especial

    leia mais